sexta-feira, 14 de novembro de 2014

5° Capítulo

VANESSA E ZAC

            - Webber o que ela tem?
            Richard Webber havia acabado de entrar no quarto onde a família estava. Gina estava acordada, mas pálida. Deitada sobre a cama.
            - Eu não sou o médico dela Gregory.
            - Como assim? Ela precisa ser examinada por um, quer dizer pelo melhor médico deste hospital.
            - E ela será. – Richard afirmou – O melhor está a caminho, ele estava terminando uma cirurgia quando você ligou. Ele virá vê-la.
            - Já estou aqui! – Zac disse ao entrar no cômodo.
            - Zachary? – Greg disse rindo. – Não acredito que conseguiu se formar!
            - Não graças ao Senhor!
Zac sentia uma raiva e ódio mortal por Gregory Hudgens há muito tempo. Poucas pessoas, ou quase ninguém sabia os motivos de Zac escolher Columbia e não Stanford. Duas ótimas universidades, mas houve motivos de força maior para a escolha dele. Zac deu a volta na cama, sendo seguido pelos olhares de todos ali presente. Examinou Gina que sorriu ao vê-lo.
            - O que ela tem? – Zac encarou pela primeira vez os olhos castanhos que sempre o embriagava. – Me diz o que ela tem, por favor? – Vanessa completou.
            - Está com frio? – ele perguntou a encarando.
            - Como assim? – ela disse sem entender.
            - É mesmo. – Gina entrou na conversa – Eu não havia visto que você está com camisa de manga longa. Está doente filha?
            Vanessa encarou a mãe, e depois Austin que a encarou com raiva nos olhos. Estava com o braço todo machucado por causa da luta contra o marido na noite anterior. Ela sorriu.
            - Em casa estava frio, e quando encontrei Ashley estava ventando um pouco. - Ela mentiu. Austin sorriu ao ver a inteligência da mulher.
            - O que minha esposa tem Zachary? – Greg disse rude.
            - Edema cerebral. – ele disse.
            - Meu cérebro está mergulhado em uma hemorragia! – Gina disse fazendo todos a encarar – Eu já sabia, iria contar após o almoço, mas não deu tempo. Como você me alertou! – ela disse apontando para Zac.
            - Ela me procurou ontem, fizemos alguns exames e hoje de manhã eu lhe contei que a hemorragia está descontrolada. Precisamos fazer uma cirurgia urgente. Iremos retirar todo o líquido, assim o cérebro voltara ao seu tamanho normal, e ela não sentirá mais dor e nem enjôos.
            - Irá raspar meu cabelo? – Gina disse assustada.
            - Sim. Irei fazer o menor corte possível, assim você nem lembrará que o cabelo foi raspado.
            - Como assim você? – Greg disse. – Há quantos anos está formado?
            - Papai! – Vanessa o chamou o repreendendo.
            - Eu entendo que o senhor não queira que eu toque em sua mulher...
            - Não mesmo. – Greg disse – Não basta tocar na minha filha e agora minha mulher?
            Todos ficaram em silêncio. Austin encarou Vanessa que olhava para o pai incrédula.
            - Eu não queria dar mais um motivo pra eterna briga de vocês. – Gina disse – Mas eu adoraria que Zac me tocasse, assim como ele tocou a Vanessa.
            - Ah mamãe! – Stella disse rindo.
            - Que foi? – Gina disse divertida – Deve ter sido muito gostoso!
            Vanessa segurava o riso. Austin e Greg eram os únicos que não estavam rindo, até Zac abaixou a cabeça para não rir na frente de todos.
            - Amélia prepara a senhora Hudgens pra cirurgia. – Zac disse – Não se preocupe Senhor, sua mulher está em boas mãos.
            Greg assentiu sabendo que quem dava as cartas ali era Zac, e não mais ele. Zac saiu, assim que Amélia entrou no quarto. Vanessa foi atrás dele, o parando no meio do corredor.
            - Foi por isso que você cancelou nosso encontro? – ela disse o fazendo virar e lhe encarar – Me diga a verdade!
            - Eu não conseguiria olhar pra você sabendo que sua mãe está com um edema cerebral e não poder contar!
            - Ela vai ficar bem? – Vanessa disse assustada.
            - Vai. Eu prometo!
            Vanessa não se importou que o marido estivesse a alguns metros de distância, ela abraçou Zac. E ao sentir as mãos dele em suas costas lhe abraçando, se sentiu protegida.
            - Passe na enfermaria. Procure Lucia. – Ela o encarou. – Peça um comprimido de Carisoprodol.
            - Porque? – ela perguntou receosa.
            - As dores devem estar lhe matando. Eu sei o que ele fez, e sei que está com marcas roxas em seu corpo.
            - Ele não fez nada! – ela mentiu.
            - Quando você vai assumir que é casada com um psicopata?
            Vanessa não respondeu. Zac deu as costas e seguiu seu caminho, rumo à preparação da cirurgia de Gina. Vanessa sentiu seus braços queimarem, e ao olhar sentiu as mãos de Austin lhe apertando sobre as marcas roxas. Ela fechou os olhos para suportar a dor.
            - O que acontece entre você e o doutorzinho? – ele sussurrou.
            - Vai se fuder Austin!
            Ela se soltou com brutalidade, saiu deixando ele para trás. Entrou no elevador, e desceu até o primeiro andar, e seguiu até a enfermaria. Encontrou Lucia facilmente que lhe entregou dois comprimidos.
            - A dor passará em alguns minutos! – ela disse sorridente.

            - Obrigada! 

---------------------------------------------------

Olá pessoal!
Postei hoje pra evitar atrasos rsrsr
Espero que vocês tenham gostado desse capítulo!
Obrigada a todos que comentem. Obrigado de verdade!
Até breve!
- L

6 comentários:

  1. Parabéns
    Ficou massa
    Espero q austin e vanessa se separem logo,ela n merece sofrer tanto

    ResponderExcluir
  2. tô apaixonada por essa fic *-*
    ela é simplesmente perfeita ♥♥♥
    quero logo que a Vanessa e o Zac fiquem juntos oficialmente e que esse desgraçado do Austin morra
    posta mais e logo,kisses

    ResponderExcluir
  3. Perfeito... Esse Austin é um estrume meu Deus!!
    A Vanessa precisa urgentemente dar um pé na bunda dele
    Amando a fic...
    posta logooo

    Xooooxo

    ResponderExcluir
  4. Ai Senhor. Espero que dê tudo certo na cirurgia e que a Gina fique bem logo.
    Eu ODEIO o Austin. FDP.
    A Vanessa deveria contar para os pais dela o que acontece na casa dela.
    Não vejo a hora do Austin se lascar e sumir da vida dela.
    Capítulo maravilhoso
    Ansiosa pelo próximo capítulo
    Posta loguinho
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Nossa tadinha da Vane... O Austin devia ir pastar logo, ela devia contar pros pais o que esse monstro faz com ela... O Zac e ela tem que ficar juntos!!
    Sua fic tá perfeita, adoro todas as suas histórias!!
    Pooooooosta logo!!
    Xoxo Isa!

    ResponderExcluir
  6. Nossa a Gina,mesmo nessa situação fazendo graça haha, ri litros.
    Tadinha da vane...Austin fdp,tomara que uma hora o zac dê uma surra bem dada nele.Amando a fic, posta lovo bjs

    ResponderExcluir

Expresse sua opinião e deixe sugestões ;)