quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

13° Capítulo

VANESSA

            - Papai matou David Efron? – Vanessa estava incrédula. – Impossível!
            - Seu pai é perverso. David foi o meu primeiro namorado, primeiro amor, o primeiro, como Zac foi pra você filha. Aos meus 18 anos, meu pai entregou a minha mão a família Hudgens, a tradicional família Petrolina.
            - Guangco e Hudgens. – Vanessa disse pensativa – Unir as duas famílias seria ótimo para os negócios.
            - Exatamente. – Gina continuou – Eu fiquei noiva de seu pai sem amá-lo, mas eu o admirava, o conhecia deste os meus 15 anos. Formávamos um belo trio de amigos, até que comecei a “namorar” com David, no auge de meu 17 anos.
            - Porque a senhora disse namorar com aspas? – Ashley questionou.
            - Meu pai não aceitava.
            - Assim como papai! – Vanessa completou.
            - Seu pai quer acabar com a dinastia Efron há muito tempo.
            - Ele o matou quando?
            - Me casei dois meses depois que fiquei noiva. David mudou de cidade, foi pra San Luis Obispo, onde conheceu Starla. 12 anos depois eu tive noticias dele. Ele havia voltado para Los Angeles, com a esposa e filhos. – Gina suspirou.
            - Em seguida ele morreu! – Ashley disse – Zac tinha seis anos quando o pai morreu.
            - David morreu quando estava voltando para casa, em um acidente de carro.
            - Zac não se lembra de morar em Los Angeles. – Vanessa disse.
            - Eles moraram por dois meses aqui. David pediu emprego para seu pai logo que chegou, trabalhou por dois meses, foi aí que seu pai percebeu que eu estava indo visitá-lo muitas vezes na Petrolina. Ele me viu conversar com David várias vezes.
            - Você traiu o papai?
            - Não. Eu aprendi amar o seu pai, mas sempre gostei de David. – Gina sorriu – Nós conversávamos sobre os nossos filhos, ele me contava que Dylan falava sem parar, Zac era o mais quieto. E não escondia o amor que sentia pela Starla. Ele os amava. – Gina limpou a lágrima que caiu em seu rosto.
            - O que aconteceu em seguida? – Ashley perguntou.
            - Era fim de tarde, Greg chegou sorridente em casa, e foi para o escritório. Meia hora depois recebemos a noticia que David havia sofrido um acidente de carro e não havia sobrevivido.
            - A senhora foi ao enterro?
            - Não. O corpo foi levado para San Luis onde a família dele morava. Depois disso, não fiquei sabendo de mais nada, até que 10 anos depois, eu conheci Zac, e ouvi uma conversa de seu pai – Gina olhou para Vanessa – ele estava no telefone com alguém e dizia que havia mais uma peste Efron pra dar fim. Assimilei automaticamente o que havia acontecido, encurralei o capacho de seu pai, e ele me confessou que havia cortado o freio da caminhonete de David, seguindo as ordens de Greg.
            - Você conhecia Zac nesta época? – Vanessa perguntou a Ashley.
            - Sim. Eu conheço Zac deste pequeno. Por quê?
            - Ele nunca comentou nada sobre os pais!
            - Ele não gosta de falar neste assunto. – Ashley disse.
            - O que está pensando Van? – Gina questionou.
            - Dylan, o irmão de Zac!
            - O que tem ele?
            - Tenho que conversar com ele.
            - Onde está indo? – Ashley perguntou vendo Vanessa se levantando.
            - San Diego.
            - O que? – Gina perguntou assustada – Está louca?
            - Eu preciso falar com Dylan, e ele faz faculdade em San Diego, é uma ótima oportunidade.
            Gina e Ashley ficaram paralisadas sentadas ainda a mesa de jantar. Vanessa havia saído pela porta da frente, sem ao menos pesar as conseqüências de seu ato.
            - Ela esqueceu que o marido está em casa? – Ashley disse.
            - Vá com ela, eu enrolo Austin!

            - Vanessa, Vanessa! – Ashley gritava enquanto corria até o carro que estava a poucos metros do grande portão.
            - O que foi sua doida? – Vanessa perguntou ao ver a amiga ofegante entrar em seu carro.
            - Você enlouqueceu? Seu marido está em casa, e você vai atrás de seu... ex-cunhado? – Ashley disse pensativa.
            - Eu não considero Austin como meu marido faz algum tempo, estou pouco me importante com o que ele faz ou deixa de fazer. Eu quero o Zac, e pra ficar com ele eu preciso descobrir toda essa bagunça do passado. – Vanessa encarou a amiga – Você vai comigo?
            - Sim, é uma ordem da Dona Gina, nem louca eu iria desobedecê-la!
            Vanessa arrancou com o carro, e minutos depois já estavam na estrada a caminho de San Diego. Ashley ligou o som do automóvel, e foi cantarolando até ver a placa de boas vindas da cidade San Diego após duas horas e meia de viagem.
            - O que você vai falar com ele? – Ashley quis saber.
            - Quero saber sobre o pai deles.
            - Ele morreu, não tem nada mais pra você saber! – Ashley comunicou.
            - Não sei por que, mas algo me diz que há alguma coisa cheirando mal nessa história.
            - Seu pai que fede na história, você ouviu da boca de sua mãe que seu pai matou, eu repito Nessa, ele matou seu David. É simples, e mesmo assim, você está mais preocupada em encontrar o Dylan do que ir atrás de seu pai e matá-lo.
            - Ashley! – Vanessa a chamou, enquanto desligava o motor do carro.
            - Desculpe por querer matar seu pai!
            - Não é isso.
            - O que é então?
            - Ali – Vanessa apontou para um moço que estava em pé no gramado a frente do automóvel – É o Dylan!
            - Como pode ter certeza, faz dez anos que você o viu pela última vez.
            - Eu sei que é ele!
            Vanessa desceu do carro às pressas, e começou a andar na direção do rapaz, Ashley vendo a amiga no gramado, a seguiu.
            - Dylan?! – Vanessa chamou e o rapaz que estava de costas virou e a encarou – Dylan Efron?
            - Sou eu! – o rapaz respondeu.
            - Você o encontrou sua safada! – Ashley disse a amiga.
            - Eu sou Vanessa Hudgens. – ela disse sorrindo.
            - A namorada do meu irmão – Dylan sorriu – Eu me lembro de você. Aconteceu algo com ele? – disse com tom preocupado - Faz tempo que não o vejo, ele só trabalha, não tem mais tempo.
            - Ele está bem – Ashley disse.
            - Queremos falar sobre seu pai, David.
            - O que tem ele? O que ele aprontou?

---------------------------------------------------------

Olá pessoal!
Eu sei que pisei na bola ontem, mas me perdoe. 
Não deu tempo pra eu postar, já que saio do trabalho as 5 e as 7 eu tinha que estar na formatura da minha tia, assim foi uma correria atrás da outra. Eu tentei, eu juro, mas a net estava uma lertezaaaa. 
Me desculpem novamente!
Até sábado para o penúltimo capítulo dessa novela! rsrsrs
- L 


4 comentários:

  1. nossa,o Dylan não sabe que o pai morreu? :/
    e como assim sábado já é o penúltimo capítulo???
    não pode ser :'(
    posta mais amore,kisses

    ResponderExcluir
  2. Ai mds eu n acredito que ja vai pro ultimo cap! Omg os proximos capítulos prometem ansiosaaa bjs posta logo

    ResponderExcluir
  3. Como assim o que ele aprontou?
    Gentchee, Juliana está D E S M A I A D A com esse capítulo.
    Ficou incrível.
    Estou ansiosa para descobrir todo esse segredo.
    Posta loguinho
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Meu Deus
    O pai do zac ta vivo!! :O
    Anciosa p o próximo

    ResponderExcluir

Expresse sua opinião e deixe sugestões ;)