sábado, 20 de dezembro de 2014

14° Capítulo

ZAC

            - Doutor, seu irmão está na linha a sua espera!
            Amélia disse para Zac quando o viu aproximar de seu consultório, ele agradeceu, e entrou e foi logo em direção ao fone fora do gancho que o aguardava, sentou em sua cadeira e sorriu ao ouvir a voz do irmão da linha.
            - Onde vocês estão?
            - Estamos a caminho, acho que em vinte minutos chegamos à rodoviária daí. Você vai nos encontrar?
            - É claro! Não convidei vocês pra passarem o Natal sem mim. Passaremos juntos, como nos anos anteriores.
            - Falando do passado, me diga por que você escondeu Vanessa da gente?
            - Como? – Zac não havia ouvido direito.
            - Vanessa! A mesma do tempo do colégio, ela não havia casado? Você é amante dela?
            - Quem contou essas coisas a você Dylan?
            - Ela própria. Ela me procurou na universidade.
            - Que dia?
            - Faz uma semana. É. Hoje completa uma semana. Porque o susto?
            - O que ela queria?
            - Falar sobre o passado. Ficamos conversando sobre o pai, a mãe, sobre eu e sobre você. Ela queria saber se eu me lembrava do tempo que moramos em Los Angeles.
            - Você falou o que sobre o pai?
            - Ela veio com um papo estranho.
            - Que papo estranho?
            - Ela perguntou como o pai tinha morrido.
            - O que você respondeu?
            - Que ela havia se enganado. O pai não morreu. Você sabe disso, todos sabem disso. É só olhar pra ele que percebemos que ele não está morto, oras bolas!
            Zac bufou.
            - Fiz alguma coisa errada?
            - Não, eu que fiz. Encontro vocês daqui a pouco!
            Zac desligou e discou alguns números em seguida.
            - Ela descobriu! – ele disse – Ela descobriu tudo Scott! - Amélia entrou na sala com um envelope a mão – Depois de ligo!
            - Convite para uma festa de Natal!- ela entregou o envelope – Achei que as pessoas não fizessem festas no Natal para pessoas que não são da família.
            - Nem eu! – Zac disse vendo os dizeres do convite.
            - Posso ajudar o senhor em alguma coisa?
            - Pode ligar pra Senhora Butler e dizer que agradeço pelo convite, mas não poderei ir a festa de Natal realizada por ela!
            - Desculpe senhor, mas... Quem é Senhora Butler? – Amélia fez cara de desentendida.
            - Vanessa!
            - Ah, a senhorita Hudgens!

            - Achei que não daria tempo!
            - Se trabalhasse menos! – um senhor mais velho disse ao vê-lo.
            - É bom ver o senhor também pai!
            - Como você está meu querido? – a mulher ao seu lado disse o abraçando.
            - Estou bem mãe!
            - Que bom! – Starla disse.
            - Podemos ir? – Dylan disse – Estou varado de fome!

            - Chegamos! – Zac disse abrindo a porta de seu apartamento para a família entrar.
            - É bem bonito, mas o que importa é se tem comida! Tem? – Dylan disse parando a frente do irmão.
            - Pode acabar com a geladeira! – Zac disse rindo.
            - É assim que se fala mano! – Dylan disse indo para a cozinha.
            - É muito bonito filho! – Starla disse. – Não é David?
            - É sim, muito bonito mesmo.
            - Quer se sentar pai? – Zac disse preocupado ao ver o pai abatido.
            - Estou bem. Mas quem sabe daqui a pouco.
            - Me deixa mostrar onde vão ficar. Scott vai passar alguns dias na casa de Ashley, estão noivos agora.
            - Que benção! – Starla disse.

            A família Efron estava unida como há vários anos não se via. Estavam a postos para o jantar, quando a campainha da casa tocou. Zac pediu licença e foi abrir a porta, por onde passou uma Vanessa furiosa que parou no meio da sala e o encarou. Ele fechou a porta, e a encarou.
            - Pode entrar, fica a vontade! – ele disse.
            - Como você pode? – Vanessa disse séria.
            - Pude o que?
            - Negar o meu convite. Você o quando eu lutei pra conseguir lhe convidar, não foi em segredo, Austin concordou. E você mais do que ninguém sabe que ele não tinha obrigação nenhuma em aceitar isso.
            - O que você deve dar em troca?
            - Como você se atreve a me perguntar isso?
            - Eu o conheço. – ele deu alguns passos a frente – Ele deve lhe cobrado alto, mas o que? Quanto? Talvez algumas noites de amor, ou o prazer dele, espancamento!
            - Eu não tenho que responder isso! – Zac riu.
            - Eu não vou passar o feriado com a mulher que eu amo casada com outro. Eu não posso fazer isso!
            - Vanessa?! – ela ouviu alguém a chamar.
            - Dylan?! – ela sorriu sem graça.
            - Algum problema filho?
            Vanessa ouviu a voz grossa e depois assimilou que a voz pertencia ao senhor mais velho que estava em pé com a ajuda de uma bengala como apoio.
            - Não pai! – Vanessa o encarou.
            - Ele é o seu...
            - Pai! – Zac completou – O mesmo que você pensou que estava morto! 
            - Quem é essa garota Zac? – Starla perguntou.
            - Essa é Vanessa, mãe. Vanessa Anne Hudgens, filha de Greg Hudgens.
            O silêncio que reinou em seguida foi quebrado apenas com o som da bengala de David tocando ao chão, e ele desmaiando, caindo ao chão logo em seguida.

            - Como ele está? – Vanessa perguntou ao ver Zac entrar no próprio quarto após um tempo.
            - Está bem. Só está um pouco perturbado por ouvir o nome do seu pai.
            - Por quê?
            - Você já sabe a história! – Zac disse rindo.
            - Conte a sua versão!

---------------------------------------------------

E é isso pessoal! rsrsrs
Bom, chegamos ao penúltimo capítulo. 
Se vocês forem boazinhas, talvez eu faça o último capítulo gigantesco, e divido em duas partes. Mas só se vocês forem boazinhas hein, então se comportem e comentem bastante ;)
Eu quero dedicar esse capítulo a Rafa, Zanessa 4ever, e a Paula que sempre comentem! 
Mas ao mesmo tempo quero agradecer a todos que leem a ficção. 
Até dia 24/12!
- L


3 comentários:

  1. OMG,tô mega confusa agora :/
    amei o capítulo Liri ♥♥♥
    posta mais,kisses

    ResponderExcluir
  2. Eeita
    Quero saber logo essa história

    ResponderExcluir
  3. Nossa essa eu não esperava ,mega perfeito agr so falta a vane dar um pé no Austin ,e ir viver feliz com o zac.Ameiii ,posta logo
    -Isa Neves

    ResponderExcluir

Expresse sua opinião e deixe sugestões ;)