sábado, 6 de dezembro de 2014

9° Capítulo

ZAC E VANESSA

            - Não acho que seja boa ideia! Sua mãe tem seu pai e sua irmã pra cuidarem dela, acho desnecessário você passar uma semana por lá!
            Vanessa estava arrumando sua mala para ir passar uma semana na casa dos pais, mas Austin como sempre não admitia esse ato.
            - Meu pai vai viajar, Stella tem faculdade, ela vai ficar sozinha...
            - Seu pai contrata uma enfermeira! – Austin disse a interrompendo.
            - Uma enfermeira?! – Vanessa o encarou – Eu aturo tudo e um pouco mais vindo de você Austin, mas isso foi à gota d’água. Eu quero, eu posso e eu vou passar uma semana com minha mãe, você queira ou não!
            Vanessa se sentiu aliviada, mas com medo da reação do marido, se surpreendeu ao vê-lo sair do closet sem dizer nenhuma palavra, nenhum xingamento ou ao menos um apertão em seu braço, o que era um ato comum vindo de Austin. Vanessa suspirou pegou suas coisas, e saiu de casa sem ao menos falar com Austin.

            - Como dizia meu tutor em NY, “hoje é um belo dia para salvar vidas!”. Vamos começar. Luz, por favor!
            Era duas e meia da tarde, e já estava quase na hora de Zac ir pra casa, mas na vida de um cirurgião, nunca há certeza, por este motivo ele estava em uma sala de cirurgia, operando uma vitima de um acidente automobilístico que havia ocorrido na última hora.
            Por sorte, o ferimento no cérebro do paciente não havia sido grave, e com uma hora de cirurgia o paciente estava fora de risco. Zac saiu e se trocou, quando entrou em seu carro olhou para o relógio, eram quatro horas da tarde. Ele precisava descansar, havia feito plantão de dois dias seguidos, o que contabilizava que havia trabalho 48 horas sem um descanso considerável, e para acabar com o resto de ânimo que ele havia, se lembrou da comemoração à noite. Fechou os olhos, e ao abrir novamente, começou o caminho para casa.

            - Você vai ir? – Vanessa perguntou a Ashley pelo telefone.
            - Sim, mas vou ter que esperar Scott chegar, ele tinha uma conferencia em São Francisco e não tem noção de que horas estará em casa.
            - Eu vou com Zac, nós podemos passar e de pegar, Scott nos encontra na festa. O que você acha?!
            - Pode ser, vou mandar mensagem pra ele avisando!
            - Tudo bem! – ela voltou à atenção a porta que se abriu – Eu tenho que desligar! – ela desligou antes de Ashley responder – Olá! – ela sorriu.
            - O que você faz aqui?! – Zac perguntou a olhando sentada em seu sofá.
            - Eu tenho a chave esqueceu?!
            - Eu me lembro que você roubou a chave!
            - Eu não roubei, eu só pequei a extra pra mim, e quando você descobriu não fez nada, então a culpa também é sua! – ela o encarou com ar superior.
            - Tanto faz! – Zac disse colocando sua pasta sobre a mesa ao lado da porta – Vou tomar banho e depois eu vou dormir, se você for – Vanessa o encarou – É claro que você vai ficar, como se eu não te conhecesse! – ela sorriu.
            Zac foi para o quarto, e segundos depois ela ouviu o barulho da água do chuveiro caindo. Sorriu maliciosamente ao ter a ideia de interrompê-lo no banho pra se juntar a ele, mas deve outra ideia logo depois, não melhor do que a primeira, mas um pouco mais inteligente.
            - Posso fazer uma pergunta!
            Vanessa disse ao entrar no banheiro e se sentando sobre a tampa do vaso sanitário.
            - Nem aqui eu tenho sossego, meu Deus! – Zac olhou pro teto – O que eu fiz pra merecer!
            - Para de se lamentar! – Vanessa disse – Posso ou não? – ela se referiu a sua pergunta anterior.
            - Se eu dizer não vai fazer alguma diferença?
            - Não!
            - Então faça!
            - O que acontece entre você e meu pai? – Vanessa encarou a sombra de Zac pelo Box – Não vai me responder?
            - Eu não gosto dele, e ele não gosta de mim. É isso!
            - Mas por quê?
            - Eu fui seu namorado, o seu primeiro namorado. Quando ele descobriu que você não era mais virgem, veio atrás de mim pra me matar.
            - Você foi pra NY por isso?
            - É claro! Você queria que eu morresse? – Zac disse ao sair do Box se enrolando na toalha.
            - Você está mentindo pra mim! – Vanessa disse fazendo esforço pra encarar apenas os olhos de Zac, e não o tórax sexy e nu a sua frente.
            - Assim como você está mentindo pro seu marido!
            Zac deu as costas e seguiu para o quarto, onde abriu uma gaveta e pegou uma de suas cuecas Calvin Klein, antes dele colocar Vanessa apareceu e a tirou de sua mão.
            - Me conte a verdade!
            - Me dê a minha cueca! – Zac disse a ela que sorriu.
            - Você fica bem dormindo de cueca, mas fica melhor quando está sem!
            Zac a encarou. Ela sorriu maliciosamente.
            - Eu tenho que dormir, eu não vou transar com você agora! – ela se aproximou mais dele, colando seus peitos ao dele.
            - Tem certeza?
            Ela o desafiou. Zac fitou os lábios a sua frente e não resistiu a beijou com toda fúria e ao mesmo tempo, com tanto amor. Mataram a saudade apenas em um único beijo.
            - Você trapaceou! – Vanessa disse ao se separarem, e percebendo que ele havia pegado a cueca de sua mão.
            - Não! Eu queria a minha cueca – ele levantou a mão mostrando a sua vitoria contra ela – E você queria transar, mas eu não tenho forças nesse momento pra te saciar, me deixa dormir!
            - Okay, você ganhou, mas fique sabendo que não vai ficar assim!
            Vanessa saiu do quarto e foi pra sala. Zac se vestiu e deitou em sua cama. Fechou os olhos, e só abriu quando sentiu algo, ou melhor, alguém em suas costas.
            - Que horas são? – ele disse com voz sonolenta.
            - Sete da noite. Eu não queria te acordar, mas tem aquela comemoração!
            - Que porra!
            - Temos que passar pra pegar a Ashley. – Vanessa o encarou – Ainda vamos né?
            - Se eu pudesse não ir! – ele disse a fazendo rir – Está bonita!
            - Eu sei!
            - Convencida!
            - Realista! – ela disse toda sorridente.
            - Deste quando você é realista?
            - Deste que você deitou em sua cama e me deixou sozinha na sala.
            - Eu precisava dormir!
            - Eu sei, mas fiquei muito magoada quando não me pediu pra ficar com você.
            - E você fez o que?
            - Fiquei com você do mesmo jeito. Fiquei olhando você dormir!
            - E por quê?
            - Porque eu te amo seu marrento! – ela disse antes de beijá-lo.

--------------------------------------------

Olá pessoal! Tudo bem com vocês? 
Espero que sim *-*
Presentinho pra vocês: Irei postar mais um capítulo, assim que atingir cinco comentários!
Repassando: Cinco comentários para o próximo capítulo! Ainda hoje se atingir a meta :)
Estou tão feliz que quero que todos ficam felizes também!!!
Bora comentar?!
- L

9 comentários:

  1. To adorando seu blog parabéns

    ResponderExcluir
  2. Aiiin q legal seu blog , a Van podia largar o Austin pra ficar com o zac seriia bem legal

    ResponderExcluir
  3. Louca pra ler os proximos , seu blog e lindo , suas Historias tbm !

    ResponderExcluir
  4. o zac e muito esperto kk
    pegou a cueca da mão da V
    ela podia ficar gravida do zac , o Austin ia morrer

    ResponderExcluir
  5. Pq é q vanessa nao deixa logo o austin?? Posta logo adoro a sua historia :-)

    ResponderExcluir
  6. Estou a gostar muito da web
    Podias fazer caps mais longos kkkk
    Adorei
    Posta mais
    Bejs

    ResponderExcluir
  7. Ahhh que fofos amando a fica!!! Posta logo!!!

    ResponderExcluir
  8. onwt que fofos *-*
    amei o capítulo
    posta mais,kisses

    ResponderExcluir
  9. Obaa
    Mais momentos só eles!!
    Amo mto

    ResponderExcluir

Expresse sua opinião e deixe sugestões ;)